Estudo comparativo da carta aos Filipenses com modelos de cartas do mundo helênico

José Otácio Oliveira Guedes

Resumo


O escopo desta pesquisa é o estudo comparativo da epístola de Paulo aos Filipenses com modelos de cartas do mundo helenístico. Ademais, esta investigação tem como suporte o fato que Paulo teve uma formação no ambiente helenístico da diáspora e que, neste ambiente acadêmico, os estudantes tinham contato com modelos existentes de cartas para diversas situações. Analisando comparativamente duas cartas (uma do modelo de “cartas familiares” e outra do modelo de “cartas de amizade”) com a epístola aos Filipenses, conclui-se que: 1. Há forte semelhança entre as estruturas da epístola aos Filipenses e dos modelos familiares e de amizade; 2. Aqueles modelos deixaram marcas no conteúdo da carta aos Filipenses; 3. A carta pode ser mais bem compreendida partindo-se do pressuposto que foi escrita como uma carta de amizade. Os problemas para o estudo foram: 1. A diferente natureza dos escritos comparados: religiosa da carta paulina, e não religiosa das cartas comparadas; 2. As dimensões bem diferentes: as cartas familiares e de amizade são bem menores que a epístola aos Filipenses.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.